apresentação da empresa

Capriche na apresentação da empresa com slides profissionais

6 agosto, 2017 3:06 pm | Criado por | sem comentários | 4 meses

Na hora de fazer a apresentação da empresa, muitas organizações não percebem a importância deste momento e acabam deixando de lado o design da apresentação, confiando a criação desta peça de comunicação ao próprio responsável pela apresentação do negócio que, nem sempre, tem os dotes artísticos necessários pra isso.

Veja nesta postagem as dicas para criar uma apresentação de empresa de alta qualidade e causar a melhor impressão possível na hora de mostrar todos os benefícios e qualidades de seu negócio para novos clientes, durante uma apresentação comercial, por exemplo.

Saiba mais: Como fazer apresentação profissional com design matador

10 dicas de como fazer uma apresentação da empresa sensacional

Um erro muito comum quando as pessoas fazem uma apresentação da empresa é achar que tem que falar muito sobre ela. Apesar de parecer algo lógico, seu foco sempre deve ser o cliente.

Portanto, a forma correta de se fazer isso é montando um esqueleto com uma descrição curta da empresa e acrescentar templates de slides (completados caso a caso) que vão explicar como sua empresa pode ajudar a empresa de seu cliente a resolver seus problemas e necessidades.

1- Logo

Se sua empresa ainda não tem um, trate de criar o logotipo da empresa, ele fará a abertura do material e precisa retratar o posicionamento de seu negócio de forma coerente.

2- Cores

É muito importante que sua apresentação siga um padrão de cores claro e bem definido e que siga a identidade visual de seu negócio, como retratada em seu logotipo.

Veja mais: Estudo das cores na publicidade: você sabe como aplicá-las?

3- Tipografia

Tipografia são os tipos de letras. Usualmente algumas delas podem ser semelhantes as do seu logotipo (isso nem sempre acontece, imagine a Coca-Cola fazendo uma apresentação de empresa toda preenchida com aquela sua letra cheia de curvas…).

O ideal é já contar com uma manual de identidade visual que defina de 2 a 4 tipografias usadas na comunicação de seu negócio. Na verdade, na apresentação da empresa, apenas 3 ou mesmo 2 já está suficiente.

Confira: Como criar um manual de identidade visual

4- Capa

Já falamos que na capa da apresentação da empresa deve constar seu logotipo, no máximo com seu slogan, logo abaixo.

A seguir, um slide apenas com o nome de sua empresa e da empresa que verá a apresentação e uma frase descrevendo do que se trata o documento, se é um orçamento, uma proposta comercial ou mesmo apenas a apresentação da empresa.

Veja mais: Tenha boas ideias com o auxílio de um gerador de slogan!

5- Textos curtos

Muitas pessoas se preocupam com o número de slides de apresentações de empresas e se esquecem que o importante é fazer slides com pouco texto.

Uma apresentação empresarial com 10 slides abarrotados de texto é muito mais demorada e tediosa que uma com 50 slides, mas com textos curtos e objetivos.

Opte por uma chamada no topo, com 4 ou 6 palavras no máximo, e 3 ou 4 bulets, com 10 palavras cada um, em média.

Abuse de imagens, ilustrações e infográficos e economize ainda mais palavras.

6- Breve descrição da empresa

É importante descrever sua empresa, mas não seja exagerado. Vídeos, caso haja, são mais efetivos, mas com menos de 1 minuto de duração. Foque nos fatos mais importantes e lembre-se sempre: seu cliente não quer saber de seus prêmios ou número de funcionários, ele quer saber como você vai resolver os problemas dele.

Por isso, resuma este tipo de informação descritiva de sua empresa a alguns bullets curtos.

E se seu cliente quiser mais detalhes, mantenha um link para seu site no slide e, se ele perguntar, aponte os detalhes que ele quiser saber.

7- Foco no cliente

Mostre para seu cliente que você não está ali para “se gabar”  de sua empresa, mas que estudou o mercado onde ele atua e a empresa dele. Assim, ele perceberá que a apresentação da empresa está sendo feita por pessoas que sabem como ajudá-lo.

8- Não fale em características, nem em vantagens, mas em benefícios

O cliente que assiste a apresentação de uma empresa precisa perceber quais os benefícios de se relacionar com ela. Características técnicas e outros atributos da solução são secundários.

Outro erro é falar em vantagens da sua solução em relação aos concorrentes, isso só serve para o cliente começar a comparar a sua eficiência em relação a de seus concorrentes.

Foque no benefício que sua empresa traz para quem trabalha com ela.

9- Mostre como resolver os problemas do cliente

Finalize sua apresentação da empresa mostrando como sua solução atende às necessidades de diversos clientes. Cases são uma ótima maneira de fazer isso, assim como depoimentos.

Se conseguir um testemunho em vídeo de um cliente que teve seus problemas resolvidos por sua empresa, será simplesmente sensacional.

10-  Leve os preços em uma apresentação separada

Não fale em preços. Só entre neste assunto se o cliente perguntar. Por isso, leve sua proposta em uma apresentação separada e, de preferência, com 3 opções.

Uma ideal, outra média e uma terceira, mais em conta. E lembre-se de justificar em cada uma delas porque é mais barata. Não dê simplesmente um desconto, tem que haver uma contrapartida de diminuição de escopo para justificar o abatimento do preço.

DICA extra: Contrate um designer profissional

Ter todo esse trabalho para criar uma apresentação da empresa com todos os detalhes perfeitos e pecar com um design duvidoso, mal feito e de aparência amadora é um grande erro.

Você pode contratar um profissional freelancer para criar um slide mestre que deixará sua apresentação muito mais atrativa para seus clientes, sem correr o risco de errar.

E você pode fazer isso por meio da concorrência criativa, em que diversos designers criam várias opções de slide mestre para você escolher a melhor de todas, conseguindo assim resultados de alta qualidade e com muita criatividade.

Veja mais detalhes aqui: Power Point Slide Mestre

We Do Logos

Sobre o autor dessa postagem

Gustavo Mota

Fundador e CEO da We Do Logos, 35 anos, formado em design gráfico, pós-graduado em Marketing pelo IBMEC. Trabalha com internet há 17 anos. Possui larga experiência em soluções online e fundou uma das primeiras plataformas brasileiras de crowdsourcing, a We Do Logos. Apaixonado por empreendedorismo, é professor de inovação e planejamento, é mentor de startups, consultor do Sebrae/RJ, colaborador e palestrante da Endeavor além de mentor e palestrante de diversos eventos em todo Brasil como o Startup Weekend, Semana Global de Empreendedorismo, Semana do Micro Empreendedor e Feira de Empreendedorismo.