como lidar com diferentes perfis comportamentais.

Como lidar com diferentes perfis comportamentais na empresa

26 dezembro, 2017 8:56 am | Criado por | sem comentários | 3 semanas

Vivemos num mundo composto por pessoas com personalidades distintas, moldadas por aspectos culturais, inatos e experiências de vida variadas. Existem vários estudos que auxiliam a identificar e classificar diferentes perfis comportamentais. Essas pesquisas são muito importantes para organizações montarem seus quadros de profissionais e entenderem suas equipes. Assim é possível entender como lidar com pessoas de personalidades distintas. Além disso é possível conhecer melhor seus próprios hábitos e metodologias de trabalho.

Para este post, analisamos os perfis profissionais detalhados no estudo da dominância cerebral. Ele analisa comportamentos de acordo com as regiões dominantes dos cérebros de cada pessoa. Além disso, sugerimos algumas formas de lidar com profissionais de cada um dos diferentes estilos apontados no estudo.

Vale ressaltar, contudo, que todos apresentamos atributos de todos os quatro perfis. Comportamentos individuais não se enquadram estritamente em um deles. Porém apresentam a dominância de um ou mais dos diferentes perfis comportamentais existentes, fazendo com que sejamos reconhecidos por determinado perfil. Esses atributos ficam claros quando estabelecemos uma relação com as pessoas, seja ela pessoal ou profissional. É possível também aplicar questionários comportamentais especificamente criados a fim de identificá-los da forma mais precisa possível. Por isso, é um trabalho que se encontra em contínuo desenvolvimento, a medida que a sociedade e seus membros se transformam e interagem ao longo do tempo.

Conheça então os diferentes perfis comportamentais e as práticas mais eficazes para lidar com eles:

Perfil entusiastaEntusiastas (Experimentais)

 

Características: profissionais com perfis entusiastas normalmente são criativos e preferem trabalhar em projetos variados e diferentes ao longo de suas carreiras. Estão sempre interessados em reciclar seus conhecimentos sobre suas áreas de atuação e desenvolver novas técnicas e processos para seus trabalhos. Estes profissionais são essenciais para o desenvolvimento de novos projetos e inovação em uma organização, porque estão sempre à procura de soluções originais e desafiadoras.

Como lidar com este perfil: como são profissionais adeptos a novas ideias e processos, é importante sempre trazer novidades para se trabalhar bem com um entusiasta. A rotina não é uma grande aliada desse perfil, então procure estar atento a tendências e discutir sobre como criar as próximas com esses profissionais.

Pode ser um desafio para eles realizar tarefas repetitivas e cotidianas. É preciso cuidado também para manter seu foco na finalização de projetos existentes, já que a tendência é que este profissional priorize a concepção de novos projetos. É importante criar um hábito de concentração em atividades correntes a fim de garantir o alcance dos resultados desejados em cada projeto em que se envolve.

Entusiastas tendem a dar menos atenção também a números e à análise do sucesso quantitativo dos projetos. Uma boa forma de motiva-los neste quesito é pedir para que criem  relatórios periódicos sobre o andamento do projeto. Assim, terão uma avaliação completa do resultado ao fim da atividade.

Perfil controladorControladores

Características: trabalhadores com perfil controlador são excelentes implementadores e executores de diferentes projetos. A tendência é que sejam profissionais mais independentes e dinâmicos, que apreciam realizar projetos de forma eficaz e ligeira. Têm dificuldades para trabalhar com procedimentos burocráticos e atrasos. Eles nem sempre conseguem trabalhar tão bem em equipe, porque possuem um processo de raciocínio bastante individual.

Como lidar com este perfil: é preciso jogo de cintura para não deixar profissionais controladores se tornarem mini-ditadores em projetos. Também é interessante evitar confrontos diretos que podem causar problemas de relacionamento na equipe.

Trabalhar com esses profissionais requer a busca pelo equilíbrio na equipe, tanto para líderes quanto para liderados. Pergunte a opinião dos controladores na hora de dividir tarefas e seja questionador. Ao invés de dizer que sua ideia é melhor para um projeto, pergunte, por exemplo, se ele considerou os pontos que você apresentou como argumento. Inclua-o(a) na discussão, faça-o(a) perceber que as ideias deles são valiosas e contribuem ativamente para o sucesso do projeto.

O segredo é conquistar o apoio de pessoas com esse perfil. A imposição de ordens normalmente não é bem recebida por profissionais controladores.

 

Perfil relacionalRelacionais

Características: como o nome já deixa claro, pessoas com pergil relacional valorizam uma boa conexão com seus colegas de trabalho. Comunicação é a palavra-chave aqui! Quem apresenta traços característicos desse perfil valoriza a interação e tende a se sair melhor em trabalhos em equipe. Costumam ter forte capacidade de empatia e de ouvir a opinião dos colegas e contatos profissionais. Faz com que as pessoas se sintam confortáveis em expressar sua contribuição.

Como lidar com este perfil: atenção ao apelo emocional dos projetos e estímulos motivacionais. Esses também são elementos que profissionais relacionais valorizam.

Suas características pessoais são favoráveis ao trabalho em equipe. Sendo assim, uma comunicação eficaz, transparente e feedback frequente são hábitos interessantes quando se coordena ou convive com profissionais deste perfil.  


Perfil Analítico
Analíticos

Características: o foco em dados, fatos e números é a principal característica dos profissionais com perfil analítico. Suas decisões tendem a ser calculadas de acordo com resultados históricos e normalmente evitam riscos e novos procedimentos. Agem de acordo com possíveis resultados previamente considerados.

Como lidar com este perfil: basear seus argumentos em fatos e dados é o mais importante ao lidar com colegas analíticos. Sempre cheque se seus números estão corretos e de acordo com os procedimentos internos da empresa.

Profissionais com perfis podem também ter uma aversão a riscos e hesitação em testar novos processos. A tendência é que permaneçam onde é seguro e estável. Mas uma solução para estimular um profissional com este perfil a ser mais aberto a mudanças é apresentar novas ideias como um projeto científico a ser analisado. Faça-o contribuir com quais são os resultados esperados, de que forma estes devem ser medidos, quais são as previsões ao finalizar o projeto e qual foi o método utilizado para chegar a essas previsões.

Para mais dicas sobre carreira e mercado de trabalho, acompanhe o blog e acesse Adzuna Brasil para encontrar novas oportunidades de emprego perto de você.

(Créditos das imagens: Freepik.com)

Sobre o autor dessa postagem

We Do Logos

Um pouco de Marketing, Design, Empreendedorismo e muita Inovação é o que você vai ver por aqui! Boa Leitura