Fidelização de clientes: entenda a importância para seu negócio

Fidelização de clientes: entenda a importância para seu negócio

14 julho, 2017 3:43 pm | Criado por | sem comentários | 2 meses

Para poder garantir um fim de semana tranquilo e com a cabeça mais relaxada é preciso conseguir manter os negócios nos trilhos. Isso implica, entre outras coisas, na fidelização de clientes da empresa.

Fazer com que os consumidores continuem sempre voltando é algo muito importante para garantir melhores chances de sucesso do negócio. Separamos algumas dicas sobre este assunto que certamente vão lhe ajudar. Vamos lá!

Conheça bem o seu cliente

Se você quer fazer com que o seu cliente esteja sempre por perto é preciso conhecê-lo. Não estamos falando de saber apenas a idade, sexo e classe social. É necessário entender bem mais.

Descubra o que ele gosta, o que não gosta, quais são seus hábitos de compra, como prefere pagar etc. Quanto mais informações tiver a respeito dele, mais chances de conseguir agradá-lo e oferecer o que ele precisa.

Para ter este conhecimento o melhor é investir um tempo observando-o e também conversando com ele. Pode ser uma pesquisa simples através de um rápido formulário ou mesmo uma conversa direta.

Leia também: Como conseguir um empréstimo e planejar sua quitação

Capriche no atendimento

Um bom atendimento não é aquele que você gostaria de receber, mas aquele que o seu cliente gostaria. Além disso, cada cliente é único e a forma de tratá-los também deve ser. Isso é o atendimento personalizado de verdade.

Obviamente que todos os consumidores que chegam até você devem ser tratados com respeito, educação, cordialidade e simpatia. O que estamos falando é um pouco além disso.

Se um cliente chega com pressa, não gaste o tempo dele com milhões de explicações que ele não vai ter tempo para ouvir naquela hora. Por outro lado, se ele estiver interessado em saber mais sobre o que você tem a oferecer, aí sim é preciso dedicar mais tempo. Preste atenção no seu cliente e entregue exatamente o que ele precisa.

Monitore os seus clientes

Como já falamos, quanto mais informações a respeito dos seus clientes, melhor. Por isso, uma boa ideia é ficar sempre por perto deles.

Se você tiver algum sistema de gestão e conseguir extrair relatórios sobre como eles compram com você, que tipo de produto ou serviço tem mais saída, em que época do ano, e outros dados relacionados, já é um bom começo.

Acompanhar as redes sociais também é uma boa ideia. Por meio delas é possível identificar que tipo de influências eles têm, quais as suas preferências, como reagem diante de alguns assuntos, como pensam e se posicionam.

Entenda a diferença entre valor e preço

Preço é o que você cobra e recebe dos seus clientes. Trata-se do dinheiro que sai da carteira do consumidor e entra no seu caixa. Ele precisa ser medido na quantidade certa para que a sua empresa consiga pagar as contas e ter algum lucro.

Valor é o que o cliente enxerga no seu produto ou serviço. Estamos falando da solução que ele vê no que você oferece. Para ele, o valor tem que ser maior do que o preço que você cobra. Caso contrário, não faria sentido realizar a compra.

Vamos imaginar uma sorveteria que vende uma bola de sorvete por R$ 3,00. Este preço precisa cobrir todos os gastos da empresa. Se todos os custos não mudarem, o preço também não teria alterações.

Pense agora pelo lado do cliente. Uma bola de sorvete em pleno inverno ou mesmo em um dia chuvoso não é tão refrescante como no calor de um dia ensolarado. Pode ser que, nesta hora, pagar R$ 3,00 pareça caro. Se estivéssemos em pleno verão, com temperaturas bem mais altas, os mesmos R$ 3,00 poderiam soar um tanto mais “barato” para quem quer se refrescar.

São motivos como esse que vão definir o nível de interesse dos compradores e é por isso que você precisa conseguir entender o que agrega ou não valor.

Movimente o seu negócio

Na busca por um aumento de faturamento é muito importante atrair e reter a atenção dos clientes. Do contrário, ele somente vai procurá-lo quando precisar e se lembrar da sua empresa.

Para se manter vivo e despertar um pouco mais de interesse, além de potencializar as chances de vendas, é sempre bom ter novidades, fazer algumas promoções e até eventos. Estes três tipos de ações são boas maneiras e motivos para manter contato com seu público e reaquecer a ligação entre vocês.

Avaliando o contexto, veja que tipo de promoções pode oferecer que sejam boas para você e também para o seu cliente. Lembre-se que elas precisam ter uma data de início e de fim. Quanto aos eventos, pense em convidar os consumidores de seu maior interesse para demonstrar um novo produto, serviço ou alguma mudança no seu espaço.

Uma ideia que deve ser avaliada também é a montagem de kits promocionais nos quais alguns produtos ou serviços podem ser oferecidos em conjunto com um desconto interessante.

Mantenha um contato frequente

Com cuidado para não incomodar o seu público, programe-se para estar por perto. A sua missão é fazer com que ele sempre se lembre de você, mas sem que isso seja um incômodo.

Por isso é bom que você saiba os melhores canais para fazer contato e escolha sempre as horas mais adequadas. A forma de fazer este contato vai depender muito das outras coisas que já falamos antes: conhecer o cliente, ter o máximo de informações a respeito dele, saber que tipo de redes sociais ele participa, suas preferências e por aí vai.

Aos poucos você conseguirá identificar quais são as melhores formas de manter este contato e também qual é a frequência ideal para “cutucar” o seu público. Uma boa ideia é usar o Marketing Digital.

Foque em aumentar o seu ticket médio

Somando tudo que você vende e dividindo pelo número de clientes que você tem, vai encontrar o valor do seu ticket médio. Esta é a quantia que você costuma vender para cada consumidor.

Saiba mais: 7 estratégias de marketing que todo empreendedor de sucesso sabe

Claro que ela vai variar um pouco porque algumas pessoas compram mais e outras menos, mas o importante aqui é conseguir fazer este número subir.

Sabendo que é mais barato manter clientes fidelizados ao seu negócio do que trazer novos, busque sempre conseguir explorar a potencialidade de compra do seu cliente.

Lembre-se de perguntar se ele encontrou tudo que procurava, ressalte algum item em promoção, investigue o que mais ele teria interesse naquele momento e anote para poder oferecer também.

Agora que você já sabe bem mais sobre a fidelização de clientes, aproveite para curtir nossa página no Facebook e fique ainda mais informado com os conteúdos que estamos sempre disponibilizando para você. Vale a pena conferir!

Artigo produzido pela Pingo.

A Pingo é um sistema de vendas com retaguarda. Simples e fácil de usar!

Sobre o autor dessa postagem

We Do Logos

Um pouco de Marketing, Design, Empreendedorismo e muita Inovação é o que você vai ver por aqui! Boa Leitura