inovação em modelos de negócios

Inovação em modelos de negócios: resultados mesmo na crise

13 agosto, 2017 4:54 pm | Criado por | sem comentários | 1 mês

A inovação em modelos de negócios é o que vem garantindo a algumas empresas o sucesso, mesmo em meio a crise que estamos vivenciando. Porém, se criar uma empresa tradicional, com um modelo de negócio bem estruturado, tudo planejado e calculado, já não é uma tarefa simples, que dirá conceber uma empresa com um modelo de negócio inovador?

Com certeza é mérito de poucas. Pensar fora da caixa, ser criativo, se colocar no lugar do cliente… Tudo isso é válido. Mas o fato é que não existe uma receita pronta de como inovar.

Você poderia imaginar que uma empresa de transporte, por exemplo, ofereceria seus serviços sem comprar um só carro ou pagar por um só motorista? Pois é…A empresa Uber é um exemplo de inovação em modelo de negócio que certamente foi bem sucedido.

E o que dizer de uma rede de hospedagem mundial que não tem nenhum quarto próprio? Agora estamos falando da Airbnb, cujo slogan no site é “Reserve acomodações únicas e vivencie uma cidade como um morador local”.

Ambas inovações em modelos de negócios proporcionam o que o cliente mais quer atualmente: serviços de qualidade, praticidade, e tudo a um custo mais baixo que os oferecidos tradicionalmente pelo mercado. Até então, quando se pensava em contratar um serviço de transporte privado, havia apenas a opção de pegar um táxi, com valor muito mais elevado e tempo de espera geralmente muito maior.

Já na questão da hospedagem durante uma viagem, antes do Airbnb, se você quisesse se hospedar em outro país, basicamente tinha duas opções: pagar caro por diárias em um hotel –  no caso de não abrir mão do conforto e qualidade -, ou economizar se hospedando em um dos chamados hostels ou albergues, o que nem sempre pode significar uma agradável experiência.

Saiba mais: Confira como diferentes tipos de inovação podem ajudar nos negócios

Exemplos de inovação em modelos de negócios

Mais do que simplesmente  ter uma ideia diferenciada, inovar na modelagem de negócios hoje em dia, envolve diversos elementos da chamada transformação digital, isto é: aproveitar as novas possibilidades tecnológicas, como a computação em nuvem, o acesso remoto e móvel e as mídias digitais para proporcionar novas experiências aos clientes, sempre atendendo suas necessidades e desejos da melhor forma possível.

Acompanhe a visão de dois empreendimentos que souberam aproveitar tudo isso e estão alcançando excelentes resultados.

Veja também: Inovação em serviços: clientes sempre satisfeitos

Mercado pet também já conta com inovação em modelo de negócio

Ainda falando de serviços de hospedagem, até mesmo no mundo Pet visualizamos exemplos de inovação em modelos de negócio. A Dog Hero é uma empresa que também oferece serviços de hospedagem para cães e gatos, sem possuir qualquer espaço físico para que os peludos pernoiteam.

Com o slogan simples e objetivo “Encontre um Herói carinhoso. Uma família para seu cãozinho enquanto você viaja”, a empresa já resume o que oferece: uma plataforma onde donos de bichos de estimação podem encontrar anfitriões que abrem as suas casas ou apartamentos para hospedar seus animaizinhos. O que a plataforma ganha? Assim como nos casos anteriores, uma porcentagem sobre o pagamento dos clientes.

Veja mais: O caminho do sucesso: a importância da inovação em processos

 Locação de imóveis facilitada para inquilinos e proprietários

E o que falar de uma imobiliária, que não possui nenhuma estrutura física, e oferece aos inquilinos o seguro-fiança gratuito? Com certeza mais uma inovação em modelo de negócio, concebida agora pela empresa Quinto Andar.

Como sabemos, o que modelo tradicional é constituído de imobiliárias, que mesmo possuindo sites, têm seus escritórios físicos, onde os inquilinos, ao alugar um imóvel, terão de entregar documentos e oferecer alguma forma de garantia ao proprietário, seja com um depósito-caução, um fiador ou pagando caro por um seguro-fiança.

A Quinto Andar traz uma inovação em seu modelo de negócio, em que tudo acontece por meio de uma plataforma virtual, onde o próprio interessado em alugar o imóvel consegue agendar sua visita ao imóvel desejado.

O sistema avisa corretores e proprietários por e-mail e pelo aplicativo sobre o agendamento, e o dono pode confirmar ou recusar a disponibilidade para a visita. Se gostar do imóvel visitado, o inquilino pode ainda, por meio da ferramenta, negociar a redução de valor do aluguel diretamente com o proprietário, sem qualquer intermediação da imobiliária, assim como mandar todos seus documentos de forma online.

Até mesmo os contratos são firmados entre as partes – imobiliária, inquilino e proprietário, sem que nenhum papel seja impresso e assinado. Tudo e todos os trâmites ocorrem virtualmente, certamente reduzindo os custos operacionais da imobiliária, e facilitando a vida dos negociantes.

Confira: Por que você deve trabalhar na inovação de produtos?

Cursos gratuitos sobre inovação

Como já dito, não existe nenhuma fórmula mágica para conquistar a inovação em modelos de negócios, mas alguns cursos gratuitos tentam abrir caminhos para um pensamento inovador. Confira abaixo:

  • No Sebrae: há cursos como “Gestão da inovação: inovar para competir” e “Inovação”;
  • Na Endeavor: há cursos como “Ferramentas práticas de Inovação: inovar para se diferenciar” e “Como tornar seu negócio escalável e inovador”.

E lembre-se: onde há dilemas, há espaço para inovação. Inove já!

Na verdade, inovar em modelos de negócios pode começar com a reestruturação de algumas áreas de sua empresa que poderiam ser mais produtivas, se você automatizasse tarefas repetitivas, veja alguns exemplos neste e-book:

Confira também: Design como fonte de inovação e competitividade

Tem outro exemplo de inovação em modelos de negócios que gostaria de compartilhar conosco? Use os comentários abaixo e deixe sua dica registrada!

We Do Logos

Sobre o autor dessa postagem

Gustavo Mota

Fundador e CEO da We Do Logos, 35 anos, formado em design gráfico, pós-graduado em Marketing pelo IBMEC. Trabalha com internet há 17 anos. Possui larga experiência em soluções online e fundou uma das primeiras plataformas brasileiras de crowdsourcing, a We Do Logos. Apaixonado por empreendedorismo, é professor de inovação e planejamento, é mentor de startups, consultor do Sebrae/RJ, colaborador e palestrante da Endeavor além de mentor e palestrante de diversos eventos em todo Brasil como o Startup Weekend, Semana Global de Empreendedorismo, Semana do Micro Empreendedor e Feira de Empreendedorismo.