metodologia top down

O que é metodologia Top Down e como usar em sua empresa

3 agosto, 2017 12:40 pm | Criado por | sem comentários | 2 semanas

Quando se abre uma empresa ou é iniciado um negócio de qualquer tipo, é preciso ter em mente que os projetos e processos de negócios não podem mais ser feitos de forma desordenada ou sem o profissionalismo adequado. É preciso ter estratégias concretas e, nesse sentido, a metodologia top down é uma das que mais atrai adeptos.

Nesta postagem, você vai ver diversas informações importantes sobre ouso desta metodologia e como ela pode auxiliar diversos tipos de empresas e áreas de atuação a se planejarem melhor para atingirem os melhores resultados, com mais assertividade e produtividade.

Saiba mais: Produtividade pessoal: 5 dicas para fazer mais e enrolar menos

Metodologia Top Down, tudo que você precisa saber:

DEFINIÇÃO: A metodologia top down é um processo sistemático que se baseia na decomposição de um todo para poder entender os seus subsistemas e componentes.

Imagine que você irá pegar um rádio pronto e abri-lo para poder entender tudo o que o compõe e como as peças se relacionam entre si – essa metologia é a top down, que vai de cima para baixo, do todo para as partes.

A metodologia top down permite o entendimento mais completo da gestão e é utilizado sobretudo nas áreas de organização, projeto de produto e desenvolvimento, arquitetura e ecologia.

Essa concepção é diferente da bottom up, que é quando se considera que a empresa estrutura-se a partir dos processos menores e que eles têm igual força e equilíbrio para o bom funcionamento da empresa.

Quando se aplica a metodologia top down à gestão de uma empresa, é possível concluir que o processo de gerenciamento irá considerar basicamente a forma como todos os processos devem seguir uma estrutura mais ou menos hierárquica.

E, por meio desta análise é possível otimizar todos os processos e até reduzir os custos na empresa.

No entanto, é preciso entender que a metodologia top down não se baseia em menosprezar alguns setores da produção da empresa, mas sim em entender que alguns deles precisam ser analisados com uma certa anterioridade aos demais; e que existem alguns procedimentos mais decisivos e influenciadores do que os outros.

Quer entender melhor como essa metodologia se aplica a cada área? Confira abaixo!

Confira também: Qual importância do planejamento nas empresas

Como a metodologia top down se aplica a cada área?

Apesar de ter uma maneira característica de ser empregada, a metodologia To Down tem pormenores diferenciados ao ser aplicada em diferentes áreas de atuação, dê uma olhada:

Gestão e organização

As principais áreas que utilizam a metodologia top down estão ligadas aos processos de gestão e organização da empresa, e até mesmo em BPM. Isso porque se trata de um método sistêmico e que atende aos principais objetivos dos setores de gerenciamento, permitindo uma visão bastante clara daquilo que acontece na empresa de forma geral.

O segmento de gerenciamento costuma ter que definir se sua concepção será top down ou bottom up para poder pensar em toda a estruturação. Isso porque o bottom up trabalha de forma mais horizontal, sem que os cargos da organização sejam vistos exatamente como superiores uns aos outros. A troca de ideias é mutua, assim como as possibilidades de correção e de questionamento.

Quando a gestão segue uma ideia baseada na metodologia top down, em contrapartida, é entendido que existem processos maiores sob os quais cada pequeno procedimento deve ser subordinado. Cabe ao gestor, no entanto, mostrar a eles como um pequeno segmento é importante para o processo, apesar de estar em menor escala.

Veja mais: 10 dicas práticas para melhorar a produtividade no trabalho

Projeto e desenvolvimento de produto

A elaboração de um projeto de produto a partir da metodologia top down é muito conhecida. Isso porque ela parte exatamente do produto para poder gerar todo o seu esquema de produção, distribuição e até mesmo publicidade e marketing.

Isso acontece quando uma marca já consolidada desenvolve um certo item novo mercado e precisa “criar” no consumidor a necessidade para comprar esse produto. Um bom exemplo disso está na indústria alimentícia, quando um novo sabor é acrescentado à variedade de opções disponíveis para o consumidor.

Veja também: Entenda a importância do planejamento de marketing para o sucesso do negócio!

Arquitetura

Uma das melhores maneiras de entender e aplicar a metodologia top down é na arquitetura. Quando um projeto é realizado dessa maneira, ele deve ser apresentado como uma parti pris, que é um esboço do projeto geral.

O plano básico contém a ideia geral, mas não os detalhes que irão compor o projeto. Ele contém as dimensões, a fachada e a estrutura geral, mas não os detalhes da base, da planta e do subsolo, por exemplo.

Confira também: Plano de Metas: como fazer, acompanhar e atingir resultados

Ecologia

Quando se fala em metodologia top down em ecologia, a ideia é simples: um problema grande acontece e é a partir dele que são investigados os processos que levaram a que ele ocorresse.

Quando existe um predador dominante em um determinado ecossistema, essa metodologia irá orientar as pessoas a enxergar o problema de seu ponto de vista central: um animal “superior” controla todo o resto e domina as relações que os demais terão entre si.

Confira também: 10 dicas para quem deseja saber como fazer uma empresa crescer

Como você pôde ver, esta metodologia pode ser empregada em diversas áreas, sempre partindo do todo e analisando as partes, em busca do melhor entendimento do processo com um todo.

Você usa ou já usou esta metodologia em sua empresa? Conte para a gente como foi, nos comentários.

We Do Logos

Sobre o autor dessa postagem

Gustavo Mota

Fundador e CEO da We Do Logos, 35 anos, formado em design gráfico, pós-graduado em Marketing pelo IBMEC. Trabalha com internet há 17 anos. Possui larga experiência em soluções online e fundou uma das primeiras plataformas brasileiras de crowdsourcing, a We Do Logos. Apaixonado por empreendedorismo, é professor de inovação e planejamento, é mentor de startups, consultor do Sebrae/RJ, colaborador e palestrante da Endeavor além de mentor e palestrante de diversos eventos em todo Brasil como o Startup Weekend, Semana Global de Empreendedorismo, Semana do Micro Empreendedor e Feira de Empreendedorismo.