Patrocínio para eventos

As melhores formas de conseguir patrocínio para eventos

31 outubro, 2017 11:48 am | Criado por | sem comentários | 3 semanas

Descubra como conseguir patrocínio para eventos de forma mais rápida e fácil

Independentemente do porte dele, patrocínio para eventos são essenciais. Afinal, eles tornam a realização mais viável. Contudo, nem sempre é fácil conseguir apoio financeiro de empresas e entidades em geral. Pelo contrário: é preciso ter muito jogo de cintura e dedicação.

Além do mais, ao conseguir patrocínio — seja em formato de doação de verba, seja de ajuda para atuar em alguma área específica —, o evento tem mais visibilidade e credibilidade perante o público.

Por isso, no post de hoje, preparamos um conteúdo especial, mostrando as melhores estratégias para conquistar patrocínio para eventos. Confira!

Selecione os possíveis patrocinadores

O primeiro passo para obter êxito nessa tarefa é elaborar uma lista com os nomes dos possíveis patrocinadores. Afinal, de nada adianta procurar pessoas que não tenham afinidade com o seu projeto e não se interessem pela causa.

O mais indicado, nesse contexto, é pesquisar sobre os potenciais colaboradores, priorizando por empresas que agreguem valor ao evento. Neste sentido, vale destacar a importância de dar preferência a organizações que são referência na região, gerando mais segurança para a produção do evento.

Prepare propostas distintas

Às vezes, o estabelecimento tem o interesse em contribuir com a realização do evento, porém não possui a verba necessária.

Diante desse cenário, cabe ao organizador pensar em formatos distintos de propostas, que possam condizer com o investimento feito. Até porque não é justo apresentar vantagens iguais, sendo que cada empreendimento aplica um valor diferente.

Isso significa que o retorno de cada patrocinador deve ser de acordo com a sua colaboração, tornando o processo mais justo e possibilitando a oportunidade de participação por parte de organizações variadas.

Elabore uma apresentação

Não há dúvidas de que, em alguns casos, a espontaneidade é mais do que bem-vinda. Mas em outros, é fundamental ter tudo programado, possuindo na ponta da língua todas as informações.

Pense bem: o que um possível patrocinador vai achar de um organizador de evento que não sabe responder questões básicas ou que não tenha nenhum material para mostrar?

Nesse contexto, perceba que é primordial elaborar uma apresentação apropriada. Fale sobre o evento, mostra os benefícios de apoiá-lo e cite cases de sucesso. Dessa forma, é bem mais provável que você consiga despertar o interesse do interlocutor, facilitando o fechamento da parceira.

Pense na abordagem

Como dizia o ditado “A primeira impressão é a que fica”, certo?! Por isso, é importante pensar na abordagem desde o momento inicial. Não existe uma fórmula mágica, capaz de mostrar um caminho que leve direto ao “sim”.

Contudo, suas chances de conseguir patrocínio para eventos aumentam bastante ao levar em consideração o perfil de uma empresa e de seus gestores. Nesta perspectiva, convém elaborar uma estratégia de contato que dialogue diretamente com cada indivíduo. Afinal, as pessoas têm visões diferentes e são influenciadas por fatores distintos.

Para tanto, é fundamental sair da zona de conforto e pensar em estratégias inovadoras, que chamem a atenção positivamente. Além do mais, tenha cuidado redobrado com o vocabulário adotado — lembre-se de que existem pessoas que são extremamente formais, enquanto outras preferem um diálogo mais leve e descontraído.

Preparando o seu time de vendas

A sua proposta de patrocínio pode ser excelente, você pode ter levantado um bom número de empresas com o fit ideal para o seu evento, você pode ter listado os contatos ideais dessas empresas e, mesmo assim, caso seu time de vendas e parcerias não tenha o preparo necessário na tarefa de desenvolver novos negócios, tudo será em vão. Cinco dicas básicas podem facilitar esse processo.

Torne sua estratégia de cold call menos maçante

“Diversão” e “cold call” não costumam ser palavras utilizadas na mesma sentença, mas diversão talvez seja justamente o que você precisa para tornar sua estratégia de cold call mais efetiva. Considere o seguinte: realizar esses tipos de ligações não costuma ser propriamente fácil. Receber essas ligações, eventualmente, também não. Seu patrocinador em potencial pode estar no meio de uma reunião, esperando uma ligação ou, simplesmente, estar preocupado com questões mais graves. Então seja criativo e faça o possível para que seu contato seja memorável.

Mantenha-se positivo

Se as palavras “diversão” e “cold call” não costumam ser encontradas na mesma sentença, por outro lado, “estresse” e “trabalho” são uma combinação por vezes certeira. É comum encontrar resistência e mau humor durante suas ligações de cold call ou mesmo em resposta aos seus e-mails. Isso não significa que você deva presumir que isso será regra ou mesmo frequente. Sempre inicie um contato com bom humor e atitude positiva, esperando o melhor. Pode parecer bobo, mas detalhes como esse podem mudar o rumo de uma negociação.

Evite os roteiros de venda batidos

Você pode manter um discurso positivo e bem humorado e, mesmo assim, não obter a resposta desejada. Nesse momento, considere reavaliar seu roteiro de vendas. Grandes empresas costumam receber com frequência propostas de patrocínio para eventos e parcerias, e um roteiro de vendas batido certamente não fará você se destacar em meio a tantas propostas diferentes. Evite tentar convencer seu potencial patrocinador com argumentos enfatizando quão incrível seu evento é. Ao invés disso, busque apresentar a ele razões que deem um sentido mais concreto a uma eventual parceria.

Não discuta com seus possíveis patrocinadores

Lembre-se: a maioria das pessoas já terá sua decisão tomada antes mesmo de você entrar em contato com elas. Discutir definitivamente não as fará mudar de ideia. Portanto, quando ouvir algo como “desculpe, mas seu evento não faz sentido para o meu negócio”, ao invés de ficar na defensiva ou, simplesmente, desistir da negociação, que tal direcionar a conversa de maneira a compreender quais motivos suportam essa decisão? Pergunte “como meu evento poderia fazer sentido para o seu negócio?”.

Abuse do storytelling

É importante que você mantenha a objetividade quando for vender as cotas de patrocínio de eventos para uma empresa. Alguns podem achar que isso significa apresentar dados e justificativas e apenas esperar que seu possível patrocinador se dê conta de quão imperdível é essa oportunidade. O buraco, no entanto, é mais embaixo, e estruturar um bom storytelling tende a criar um caminho que levará ao ato de compra de maneira mais orgânica. Quando a ideia é prospectar patrocinadores e parceiros, uma boa forma de aplicar o storytelling é alinhando-o aos valores e visões de mundo do patrocinador. Venda seu evento a partir de uma noção de parceria, demonstrando como você e seu patrocinador tem os mesmos objetivos e sonhos, e como juntos poderão construir algo fantástico.

 

Ao seguir essas sugestões, você pode conseguir patrocínio para o seu evento de forma mais eficiente, tornando-o  ainda mais diferenciado. Agora que você já sabe como conquistar patrocínio para eventos, que tal dar uma passada lá no blog da mobLee? Lá, você terá acesso a informações exclusivas que vão potencializar ainda mais os resultados do seu evento.

*Este artigo foi escrito pela Júlia Vidigal Munhoz, analista de marketing e conteúdo da mobLee!

Sobre o autor dessa postagem

We Do Logos

Um pouco de Marketing, Design, Empreendedorismo e muita Inovação é o que você vai ver por aqui! Boa Leitura