Hospedagem de sites: o que é e como escolher

Hospedagem de sites: por que preciso de uma e como escolher?

29 setembro, 2017 3:06 pm | Criado por | sem comentários | 3 semanas

Ao lançar um projeto online é comum se deparar com tantas ofertas e dicas de como fazer e quais ferramentas escolher para garantir o sucesso do seu site. Mas algumas coisas são imprescindíveis e ainda geram dúvidas entre os nossos usuários, como hospedagem de sites.

 

Para esclarecer este assunto, preparamos este post com uma explicação simples e direta dos motivos pelos quais você precisa ter uma hospedagem de sites e quais características avaliar na hora de escolher a sua.

 

POR QUE EU PRECISO DE UM DOMÍNIO?

 

Para iniciar sua vida online você precisa ter uma identidade e para isso servem os domínios. É através do domínio que seus clientes vão te localizar na rede por isso esse deve ser o seu primeiro passo. Um domínio deve ter ligação direta com o seu negócio, ser curto e amigável, de fácil memorização.

 

E POR QUE EU PRECISO DE UMA HOSPEDAGEM DE SITE?

 

É simples. Você precisa de um plano de hospedagem de site para ter o seu projeto online. Um domínio sem hospedagem não serve para nada. Sem hospedagem o seu projeto está na gaveta. Não importa o tamanho ou o tipo do seu site, blog ou loja virtual, para ser encontrado na rede é fundamental que esteja hospedado.

 

Isso significa que você vai hospedar o seu projeto em um servidor que, com configuração e conexão à internet, vai possibilitar que o seu site seja localizado. Enquanto você não tiver uma hospedagem de sites, o seu projeto estará somente dentro do seu computador.

 

COMO ESCOLHER O MELHOR PLANO DE HOSPEDAGEM DE SITES?

 

Agora que você entendeu que não tem como estar na rede sem hospedagem, é preciso entender um pouco mais sobre o assunto para avaliar o que é mais apropriado para o seu site.

 

Nosso objetivo não é que você seja um expert sobre hospedagem de sites com esse post, apenas que você saiba do assunto ao tratar do seu negócio online.

 

Hospedagem de sites: planos gratuitos e pagos

 

Você vai encontrar essas duas opções mas antes de optar pelo plano gratuito, é preciso reconhecer se essa é a melhor escolha para o seu site.

 

Planos de hospedagem gratuitos são recomendados para quem está nos primeiros passos no mundo digital, que realizar testes e não tem um projeto de grande abrangência. Por ser isento de custos, o plano gratuito oferece recursos limitados e que podem comprometer o seu site dependendo do tamanho dele.

 

Já quando tratamos de hospedagem paga, nos deparamos com hospedagem compartilhada e dedicada (VPS), e aqui a conversa fica mais séria, afinal o funcionamento do seu site vai ser diretamente influenciado a partir da sua escolha nesta fase.

 

  • Hospedagem Compartilhada

 

Hospedagem compartilhada é recomendado para pequenos e médios projetos que não exigem tantos recursos do servidor. Isso porque numa hospedagem compartilhada, um servidor hospeda diversos sites.

 

Pelo mesmo motivo, o valor é mais baixo em relação ao plano de hospedagem dedicada que vamos tratar logo abaixo, e isso se torna uma vantagem. Mas é nosso papel alertar quanto aos riscos.

 

O uso excessivo de outros usuários pode comprometer o funcionamento do seu site e ocasionar quedas, sistemas fora do ar e causar desconforto para você. Para inibir acontecimentos como esses, empresas de hospedagem geralmente limitam o uso entre os usuários e criam estratégias para detectar abusos.

 

Por outro lado, a hospedagem compartilhada é intuitiva, facilitando assim a vida de quem está ainda se familiarizando com o mundo da tecnologia.

 

  • VPS

 

E para concluir seus conhecimentos iniciais sobre hospedagem de sites você precisa saber sobre VPS.

 

VPS significa Virtual Private Server e quer dizer Servidor Virtual Privado. O próprio nome já revela o diferencial. Ao contratar uma VPS, você tem toda autonomia de um administrador pois é como se um único servidor fosse particionado entre mais hospedagens, porém cada um trabalha com o seu espaço.

 

Isso evita transtornos de abuso de terceiros, por exemplo, pois você não divide nada com ninguém. Além disso é possível você personalizar o seu servidor, como por exemplo instalar softwares específicos.

 

Quando hospedado numa VPS, não é preciso se preocupar quanto aos acessos do seu site. Essa versão garante uma escalabilidade maior e assim suporta um número de acessos maior e picos de tráfego.

 

Viu só? Nem foi tão complicado. Até aqui você entendeu que não tem como estar na internet sem ter uma hospedagem de site e conheceu duas opções, além da versão gratuita, que são a hospedagem compartilhada e VPS.

 

E como um dica da casa, deixamos aqui três aspectos para avaliar na hora de decidir sua empresa de hospedagem.

 

  • Recursos: espaço, gerenciador de conteúdo, interface e linguagem, serviços e produtos inclusos como certificados de segurança ou domínios
  • Confiança: histórico, abrangência e experiência da empresa no mercado de tecnologia;
  • Suporte: por mais que você tenha tutoriais e muito conteúdo na própria internet, você vai precisar de um especialista. Por isso esteja ciente de qual a disponibilidade do suporte da empresa contratada além dos canais de atendimento, como chat, telefone ou outros.

 

Agora você já tem conhecimentos básicos sobre hospedagem de sites e pode definir com segurança qual a melhor opção para o seu negócio online!

 

Este artigo foi produzido pela Hostinger, empresa referência no ramo de hospedagem de sites no Brasil e no mundo.

 

Sobre o autor dessa postagem

We Do Logos

Um pouco de Marketing, Design, Empreendedorismo e muita Inovação é o que você vai ver por aqui! Boa Leitura