O que é inbound marketing

Descubra o que é inbound marketing e todo seu poder

4 agosto, 2016 6:25 pm | Criado por | sem comentários | 1 ano

O inbound marketing é uma dessas tendências que causou alarde, nos últimos anos, principalmente pelo retorno que tem trazido a quem investiu nesse novo conceito.

Mas você sabe o que é inbound marketing?

Em tese, o inbound marketing é uma maneira nova de praticar as técnicas de marketing levando em conta 2 pontos fundamentais:

  • Produzir o conteúdo certo para a pessoa certa e no momento certo.
  • A tendência do consumidor de procurar on-line antes de decidir por um produto ou serviço.

Quer saber mais sobre o que é o inbound marketing e como ele pode gerar novas e mais constantes receitas para a sua marca? Então confira tudo a respeito no nosso post de hoje!

12 - eBook - Guia Definitivo de Marketing Digital para PMEs-CTA-600x200px

Saiba mais: Content Trends 2016 – Entenda as tendências de marketing de conteúdo no Brasil

O que é inbound marketing e como ele funciona

Como falamos anteriormente, o consumidor está mais atento às novidades do mercado. Cerca de 90% deles, por exemplo, pesquisam sobre os produtos ou serviços de seu interesse antes adquiri-los ou visitar uma loja física.

Ou seja: em vez de seduzir o consumidor, a estratégia passou a ser chamar a atenção do seu público-alvo. E o inbound marketing se tornou a principal ferramenta para isso.

A seguir, separamos algumas das principais formas de colocar o inbound marketing em prática na sua empresa:

  • Produção e publicação de posts no blog corporativo.
  • Atuação sólida nas redes sociais da sua marca.
  • Distribuição de conteúdo em canais de comunicação, como e-books e infográficos (ver exemplos).
  • Realização de webinars e podcasts.
  • Fóruns on-line.
  • E-mail marketing.
  • Técnicas de SEO.

Focando suas atenções em alguns dos itens acima, você vai compreender um pouco mais sobre o que é inbound marketing e o que ele pode fazer por você.

Veja também: Como crescemos o blog 367% com marketing digital em 3 meses

O processo do inbound marketing

Com uma série de estratégias, como as listadas anteriormente, você consegue ampliar o alcance da sua marca.

Isso porque essa nova maneira de enxergar o marketing visa atuar em 5 etapas diferentes:

  •         Atrair mais tráfego para os seus canais virtuais.
  •         Converter os visitantes em leads (pessoas interessadas no que você tem a oferecer: veja “o que são leads“).
  •         Fazer de cada lead uma nova venda.
  •         Transformar as vendas em clientes fidelizados.
  •         Tornar os clientes fidelizados em promotores da sua marca.

Veja como isso é interessante e torna o inbound marketing um ciclo que conta, exclusivamente, com o engajamento do público.

Por isso dissemos que se trata de produzir o conteúdo certo para a pessoa certa e no momento certo. Para fazer isso, os seguintes princípios devem fazer parte da sua rotina:

Marketing de conteúdo

A partir de uma pesquisa sobre quem é o seu público-alvo, você conclui a primeira etapa do que é inbound marketing, pois é a grande lição que você precisa aprender para criar conteúdos do interesse deles, para chamar a atenção deles.

DICAS: Veja como gerar leads produzindo conteúdos para o seu site

Ciclo de compra

Agora que você já conhece a sua persona (como é conhecido o seu público, no inbound marketing), é preciso iniciar o processo de conversão que falamos anteriormente.

Personalização

Com publicações e divulgações personalizadas, você estabelece um elo com seus clientes e potenciais clientes. Uma vez estabelecido, é preciso focar na manutenção dessa ligação entre vocês.

Veja mais: Invista nas redes sociais mais usadas por sua persona

Canais estratégicos

O seu público se concentra mais no Facebook, no Instagram, no Twitter, no Snapchat ou em alguma outra rede social? Então, priorize o conteúdo nesse canal de comunicação, especificamente — mas sem ignorar os demais, é claro.

Afinal de contas, onde mais eles consomem conteúdo será, também, onde mais eles vão falar de você e compartilhar as suas publicações.

Interação

Como um complemento ao tópico anterior, trata-se de enraizar ainda mais o contato com o seu público-alvo. São os likes e compartilhamentos, assim como os comentários, a interação mais valorizada.  Na verdade, este ponto é fundamental para medir o retorno do público, pois ajuda a trabalhar as próximas estratégias de inbound marketing.

Hoje em dia, likes e curtidas já não são mais tão relevantes quanto a participação direta via comentários e mesmo a criação de conteúdos originais pelos usuários e compartilhados. Com a chamada “compra de likes” (via anúncios em postagens ou na própria fã page) o empresário pode estar dando um tiro no pé ao encher suas páginas com perfis de pessoas que nada têm a ver com ela!

É por isso que o inbound e o marketing de conteúdo são cada vez mais relevantes, trazendo um público selecionado que verdadeiramente admira sua marca e chega a interagir com ela de forma espontânea!

Confira também: Marketing de Conteúdo: Por que é importante para as PMEs

como-um-site-pode-revolucionar-seu-negocio

Os resultados obtidos com o inbound marketing

Agora que você já sabe o que é inbound marketing, entenda a relevância dele nas suas estratégias atuais para divulgar o seu negócio e gerar mais vendas:

  • 55% dos usuários navegam mais por sites com um blog atualizado do que sites sem blog.
  • Cerca de 70% dos usuários clicam mais em resultados da sua busca orgânica do que em anúncios pagos, o que evidencia a eficácia das suas técnicas de SEO nas suas páéginas.
  • 58% das empresas brasileiras já praticam estratégias de inbound marketing.
  • O inbound marketing é 62% mais econômico do que o marketing tradicional para gerar um novo lead.

Que tal conferir por si só as outras vantagens que o inbound marketing pode trazer para o seu negócio? Comece agora a criar um blog! Se precisar de ajuda, pode contar com os designers da We Do Logos, a maior plataforma de criação da América Latina. Vamos lá, use este link para começar agora a criar seu blog de conteúdo.

We Do Logos

Sobre o autor dessa postagem

Gustavo Mota

Fundador e CEO da We Do Logos, 35 anos, formado em design gráfico, pós-graduado em Marketing pelo IBMEC. Trabalha com internet há 17 anos. Possui larga experiência em soluções online e fundou uma das primeiras plataformas brasileiras de crowdsourcing, a We Do Logos. Apaixonado por empreendedorismo, é professor de inovação e planejamento, é mentor de startups, consultor do Sebrae/RJ, colaborador e palestrante da Endeavor além de mentor e palestrante de diversos eventos em todo Brasil como o Startup Weekend, Semana Global de Empreendedorismo, Semana do Micro Empreendedor e Feira de Empreendedorismo.

Comentários estão fechados.