tipos de marketing digital

Tipos de marketing digital: 6 estratégias para aplicar em sua empresa

30 maio, 2017 9:00 am | Criado por | sem comentários | 6 meses

O queridinho do momento para divulgar empresas — o marketing digital — está na crista da onda: hoje em dia, é a maneira mais acessível, prática e personalizada de impactar o público-alvo de sua empresa — independentemente de seu porte ou segmento de atuação.

Por isso, é importante, acima de tudo, reconhecer os diferentes tipos de marketing digital para que você aprenda a aplicar as suas estratégias da maneira mais assertiva possível!

Saiba mais: Todas as formas de marketing digital agora ao seu alcance

6 dicas de tipos de marketing digital que você precisa conhecer

Estes 6 são só alguns dos tipos de marketing digital que você pode empregar em seu negócio.

Mas lembre-se: não existe mágica, tudo depende de muita estratégia, planejamento e vontade de ver as coisas funcionarem. Seu esforço é que vai fazer a diferença.

1- O funil de vendas digital: a base de tudo

Independentemente da estratégia de marketing digital que você vai se pautar, todas elas passam pela condução do funil de vendas, e como você deve se portar para abordar o público-alvo em cada etapa dele.

A partir de sua elaboração, você consegue obter uma representação do caminho pelo qual o seu consumidor trilha, do primeiro contato com a sua empresa, até a finalização da compra.

Esse fluxo ajuda a entender melhor todo o processo de vendas e suas etapas e, ainda, onde estão os gargalos, para você gerar demanda e oportunidade.

Para isso, é fundamental entender os estágios do funil de vendas:

Topo do funil

Incluindo as fases de Descoberta e Aprendizado, é o momento em que o consumidor ainda não está preparado para comprar, mas já quer conhecer as soluções para a sua dor.

Para isso, as empresas também se planejam, criando um conteúdo relevante, rico e diferenciado, focando justamente na solução de suas dúvidas iniciais.

Meio do funil

Quando surge a consideração das soluções por parte do cliente, o meio do funil é o momento em que você já apresenta algumas soluções para o consumidor — sem vender, diretamente, a solução ainda.

Fundo do funil

A decisão de compra é a etapa em que você se relacionou com o público-alvo o suficiente para que ele veja na sua marca o referencial do setor, podendo conhecer a fundo as soluções específicas para ele.

Veja também: Guia prático sobre o que é marketing digital

2- Alinhe suas estratégias com o SEO

Sigla para Search Engine Optimization, o SEO é uma popular estratégia para alinhar seu conteúdo com base naquilo que o consumidor mais necessita e busca em suas pesquisas on-line.

Para isso, palavras-chave são selecionadas e, ao utilizá-las em seus conteúdos, você se aproxima- do seu consumidor. Com o tempo, você vai adquirindo uma base mais fiel de leitores.

Veja mais: 13 ferramentas de marketing digital que você precisa conhecer

3- Utilize o Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo se baseia no conhecimento adquirido por sua empresas sobre o que seu público valoriza e deseja, ao analisar as palavras-chave que ele mais busca na internet. É o SEO, mencionado acima.

Assim, você consegue gerar o conteúdo ideal para a pessoa certa, e disponível no momento exato para solucionar as suas dúvidas.

Com o tempo, isso se traduz em mais conhecimento e respeito pela sua marca, bem como ajuda a transformar a sua empresa em referencial do setor de atuação.

Além dos posts em blogs, você pode usar o marketing de conteúdo também em:

  • Landing pages.
  • Divulgação de infográficos.
  • E-books.
  • Webinars.
  • E-mail marketing.
  • Vídeos.

Vale a pena, portanto, se inteirar a respeito do marketing de conteúdo, sendo um dos mais utilizados e eficientes tipos de marketing digital do momento.

Leia mais: Conheça 4 tipos de estratégias de marketing digital

4- Automação de marketing

Com o auxílio de softwares especializados, a automação de marketing permite que sua empresa envie sequências de e-mails personalizadas para segmentos específicos dos seus clientes.

Para isso, estes aplicativos se valem das estatísticas geradas quando seus clientes interagem com seu blog, tias como: que artigos mais leem, quais materiais baixam, etc.; além de outros dados, como os hábitos de navegação em redes sociais.

Com esses parâmetros, além de nutrir seus possíveis clientes e clientes com conteúdo via e-mail, essas ferramentas também podem sugerir à sua força de vendas quais clientes já migraram do topo para a base do funil e estão maduros o suficiente para receber um telefonema, por exemplo.

Confira: 10 Dicas para ter um Blog: identidade visual e conteúdo

5- Promova mais ações de Inbound Marketing

O Inbound Marketing tem sido idealizado como um dos grandes tipos de marketing digital pelo seu poder de atração e conversão dos clientes.

Isso se dá por meio de um conjunto de estratégias  — como a produção consistente de conteúdos em blogs e as técnicas de SEO em suas páginas virtuais — que visam a interação qualificada com o seu público-alvo.

Ou seja: o inbound marketing não se sustenta por si só, porque ele é uma junção de qualidades de outras técnicas de marketing digital (SEO, conteúdo, automação de marketing, etc.). O que o torna tão poderoso, portanto, é a facilidade em combinar estratégias para, assim, obter mais sucesso em suas ações.

Confira também: Guia prático sobre o que é marketing digital

6- Redes sociais

Por fim, um dos grandes tipos de marketing digital se resume à presença e utilização das principais redes sociais que o seu público-alvo utiliza.

Com isso, você cria conteúdos que eles podem interagir, se relacionar com a sua marca e ajudar a divulgar as suas novidades e diferenciais.

Vale, portanto, entender onde eles mais se concentram e focar as suas produções nessas redes sociais!

Você acabou de ver 6 estratégias diferenciadas por tipos de marketing digital, mas deve ter notado que o objetivo de todas elas, trabalhando juntas, é trazer seu cliente do topo do funil, informá-lo e educá-lo ao longo desse jornada, para finalmente converter uma venda na base do funil, quando ele estiver preparado.

Invista no marketing digital, você verá que seus resultados podem ser surpreendentes.

We Do Logos

Sobre o autor dessa postagem

Gustavo Mota

Fundador e CEO da We Do Logos, 35 anos, formado em design gráfico, pós-graduado em Marketing pelo IBMEC. Trabalha com internet há 17 anos. Possui larga experiência em soluções online e fundou uma das primeiras plataformas brasileiras de crowdsourcing, a We Do Logos. Apaixonado por empreendedorismo, é professor de inovação e planejamento, é mentor de startups, consultor do Sebrae/RJ, colaborador e palestrante da Endeavor além de mentor e palestrante de diversos eventos em todo Brasil como o Startup Weekend, Semana Global de Empreendedorismo, Semana do Micro Empreendedor e Feira de Empreendedorismo.