7 Dicas para Designers Iniciantes

Se você está se formando na faculdade de Design ou já tem habilidades para criar Identidades Visuais para grandes marcas, você deve estar passando por algumas incertezas profissionais, não é verdade ? Ficar pensando muito no que seus superiores e clientes pensem sobre seu trabalho, pode interferir na qualidade e na sua postura como profissional.   Se identificou ? Confira abaixo 7 dicas que separamos para você que está passando por esta fase e veja que no final não é  tão difícil quanto parece.  

1. Durma bem

Mas é óbvio, afinal, quem não quer ? Bem, se você trabalha com criação e ainda não sabe controlar seu tempo, é bom que tenha mais cuidado com este tópico. Quando não se dorme bem, seu corpo e sua mente não trabalham com eficiência. Resultado ? Trabalho é entregue com má qualidade.  

2. Se apresente como um profissional serio

Se você não se levar a sério quem vai te levar ? Já ouviu essa frase, certo ? Bem, agora não é diferente. Se vista e se comporte como um profissional, seja você estagiario ou freelancer, o ascpeto visual e suas atitudes demonstram muito o tipo de profissional que você é. Isso passa credibilidade e seus clientes e chefes passam a confiar mais naquilo que você faz.  

3. Procure boas referências

Quem trabalha com criação não existe material melhor como referências. Visita vários sites e blogs, acompanhe trabalhos já existentes independente do profissional. Observe e anote tudo que achar que tem relevancia. Isso é fundamental na hora de fazer suas criações, coisas que só poderá reproduzir se tiver já em mente.  

4. Não pague para trabalhar

Se for orçar (sempre por escrito) para o cliente o seu valor, leve em consideração o tempo gasto e o tipo de material investido. Se precisar de algumas horas ou dias para passar o preço certo, não deixe de fazer.  

5. Tire um tempo para trabalhar

Anote o prazo final que o cliente pediu e coloque alguns dias com antecedencia para deixar o trabalho finalizado. Você que talvez tenha acabado de sair da faculdade e está acostumado a deixar os trabalhos para a última hora, no mercado isso pode levar seu profissionalismo para baixo.  

6. Não aceite todos os tipos de trabalho

Aprenda a dizer não. Se você não tem qualificação para algum tipo e serviço ou se simplismente não se sente a vontade, evite se envolver com trabalhos que lhe trazem desgaste e cansaço. Fazer o que gosta é muito mais produtivo e vai encantar muito mais seus clientes com o resultado.  

7. Seja humilde

Esteja sempre estudando, buscando refernências e escutando conselhos dos profissionais mais experientes, mesmo que não concorde com algumas coisas que eles falem. Absorver coisas fazem você crescer pessoalmente e profissionalmente.   Agora uma dica de ouro. Nada disso te faz um melhor profissional se você não tiver anos de estudo e de prática, não é verdade ? No WeLancer você pode acessar a milhares de projetos de concorrência criativa para criação de Logo, Cartão de Visita, Mascote, Embalagem e muito mais! Essa é a melhor forma de você ter um portfólio de peso e ainda garantir uma renda extra para adquirir seus próprio materiais. Gostou da ideia ? Agora conte pra gente abaixo o que achou dos comentários que foi listado e dê sua opinião. Se você está passando por esta fase e acha que faltou algum comentário, conta pra gente.   Fonte: Design.blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *