Como fazer um Brainstorming

 

O brainstorming é uma reunião que tem por finalidade desenvolver idéias para a criação de conceitos, produtos e soluções. Porém não é tão fácil como se imagina. É necessário um mediador que conheça a equipe para perguntar, instigar e empolgar. São reuniões que demandam tempo e energia, e se forem feitas de forma incorreta podem ser um desperdício de esforço. Veja algumas dicas oferecidas por Michael Olguin, colunista da revista Inc., sobre o que vale ou não na hora de realizar um brainstorming.

 

Monte um cenário

Não é no brainstorming que os participantes devem sabe sobre o que será abordado. O certo é que todos já cheguem a par do que será discutido, para juntos desenvolver ideias a respeito.

 

 

Encoraje
Não intimide os participantes. Faça com que fiquem confortáveis e sintam-se seguros para compartilhar o que pensam e acham significativo.

 

 

Facilite a interação
Inicie pensamentos, pergunte e encoraje para que o brainstorming siga adiante e seja produtivo. Nada de conversas paralelas ou prender-se a uma única ideia. O mediador deve se envolver com todos!

 

 

Escolha um ambiente
É essencial que o brainstorming aconteça em lugares que estimulem a criatividade, ou seja, longe das tradicionais mesas de reuniões. Opte por jardins, cafeterias e lugares arejados, pois eles ajudam no desenvolvimento de idéias. Existem empresas que investem em salas coloridas com lousas, sofás, puffs e objetos, por exemplo, só para esses encontros.

 

 

Não deixe que uma pessoa domine a reunião
Todos os participantes devem estar ativos. Por vezes, pessoas com personalidades mais fortes e mais falantes tendem a assumir o controle, isso inibe os participantes mais tímidos e inseguros. Procure estimular o participante que menos falam a interagir com o grupo, pois o fato de elas estarem quietas não significa que não tenham boas idéias.

 

 

Jamais diga que uma ideia é ruim
Interromper um pensamento e classificá-lo como ruim destrói com o fluxo criativo. Caso alguém sugira uma ideia que não seja tão boa, leve-a para um contexto ou faça um comentário que contribua para uma discussão a respeito da sugestão.

 

 

Não vá ao brainstorming sabendo o que quer
Não adianta fazer um brainstorming se você já sabe o que quer. E caso goste muito de alguma sugestão, mostre-a para outros colaboradores e analise a ideia através de outras perspectivas. Isso fará com que todos se sintam integrados na decisão.

 

 

Tempo

Um brainstorming não precisa durar mais que uma hora. O mediador deve conhece a equipe para identificar quando um assunto atingiu seu ponto máximo ou quando as idéias estão acabando.

 

 

(via)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *