Como ter boas ideias para o nome de empresa

Escolher um bom nome para sua empresa é uma tarefa delicada, pois temos que pensar no nome como algo que traga uma boa impressão na mente do cliente, ao se lembrar dele. Um bom nome, aliado a outros fatores, pode definir o sucesso de um empreendimento.

Vamos dar aqui algumas dicas a você que está prestes a escolher o nome de sua empresa, para que não caia em erros comuns e decida colocar um nome que represente bem o seu negócio. Fique atento às seguintes orientações abaixo:

1 – Preocupe-se em como a sua marca será vista no mercado

É comum que sócios escolham um nome juntando iniciais de seus próprios nomes, criando uma sigla, ou ainda escolhendo uma expressão que remeta a algo inteligente ou chique. Lembre-se de que o nome da sua empresa deve fazer alusão a atividade a qual ela se dispõe, de maneira direta ou indireta. O nome também pode ser usado para destacar sua empresa em relação aos seus concorrentes.

2 – Utilize um nome simples

Muitas marcas se tornaram conhecidas tanto pela qualidade de seus produtos como pela facilidade em pronunciar seu nome. Recomenda-se, portanto, a escolha de um nome que seja de preferência monossilábico, de fácil pronúncia, algo que fique na mente dos consumidores. Não queira usar nomes extensos, pois eles dificilmente serão memorizados.

3 – Cuidado com a dupla interpretação

É necessário que a escolha leve em consideração fatores culturais e sociais. Um nome pode ser bom em certa localidade e ao mesmo tempo se tornar motivo de chacota em outra. Se a sua empresa tem ambição de alcançar o mercado internacional, considere isso na hora de escolher um nome. A falta de cuidado poderá marcar o nome de maneira negativa.

4 – Saia do lugar comum

Não se conforme com a falta de criatividade como muitos empresários que acabam colocando siglas que apontam para a atividade de sua empresa, como as famosas “Alguma coisa Tur”, que existem aos milhares por aí. Essas expressões não acrescentam em nada à marca, em termos de competitividade. Algumas das grandes empresas da atualidade criaram palavras novas para seus empreendimentos. Como exemplo podemos citar a Google, que é um enorme sucesso empresarial.

5 – Foco no cliente

Conhecer o tipo de público que se deseja atingir facilita bastante as coisas. Colocar um nome muito moderno para alcançar um público composto em sua maioria por pessoas que estejam na faixa dos 50 anos, por exemplo, é um erro. O mesmo ocorre de maneira inversa, ou seja, um nome ligado a coisas tradicionais não terá muito efeito para um público jovem.

6 – Confira a disponibilidade

Após a escolha do nome apropriado, observados todos os critérios mencionados anteriormente, faça uma pesquisa para ver se o nome já está sendo utilizado por alguma empresa.

Para consultar de forma gratuita e online se um nome já tem registro no INPI ou até mesmo como está o andamento de um registro de marca em apenas alguns segundos basta usar o aplicativo Registro de Marcas.

CTA-BlogWDL-Registro-da-marca-001

Ele é muito funcional para empreendedores, freelancers, agências e profissionais que trabalham com registro de marca. Acesse o aplicativo para versão em desktop também e receba a resposta da pesquisa em apenas 3 segundos! Veja: http://registrodemarcaapp.com/

Esses são apenas alguns aspectos que devem ser observados ao escolher um nome para a empresa. É claro que o empreendedor deve estudar minuciosamente o seu caso, e fazer a escolha baseado também em outros critérios que achar importantes.

E você, já escolheu o nome para sua empresa? O que considerou ao fazer essa escolha? Comente aqui.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *