Dilma vai criar Ministério das Micro e Pequenas Empresas

BRASÍLIA – A presidente Dilma Rousseff, deve confirmar, nos próximos dias, a criação do Ministério das Micro e Pequenas Empresas, mas a escolha do ministro depende de uma negociação política. O candidato mais forte à vaga até o momento é o presidente da Apex-Brasil, Alessandro Teixeira, um dos coordenadores do programa de governo de Dilma, mas o nome do senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) também passou a circular na equipe de transição como opção para o cargo.

Dilma precisa dar um cargo de ministro de Estado para Valadares, para abrir a vaga no Senado para o presidente do PT, José Eduardo Dutra, que é o primeiro suplente do sergipano. Para viabilizar essa estratégia, Valadares pode ir para o Ministério do Turismo ou para a nova pasta das Micro e Pequenas Empresas. Se dependesse apenas do desejo da presidente eleita, Alessandro Teixeira seria o escolhido para o novo ministério, pois é próximo de Dilma, tem perfil técnico e bom trânsito entre pequenos e médios empresários.

Mas Okamotto – que chegou a ser cogitado para a pasta das Micro e Pequenas Empresas ainda na campanha eleitoral – não deve permanecer à frente de tudo nem ser aproveitado no governo de Dilma. A eleição para escolha da nova diretoria será nos próximos dias e Okamtto não está concorrendo.

O mais provável é que ele acompanhe Lula no instituto que o presidente pretende criar quando deixar o governo. Okamoto fundou o Instituto Cidadania junto com Lula, em 1990. No Sebrae, ocupou o cargo de diretor financeiro entre 2003 e 2005, quando assumiu a presidência por indicação de Lula.

Referência >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *