Identificando e corrigindo falhas

Certas falhas que ocorrem na empresa e a desmotivação dos funcionários podem ser indicadores de que o negócio precisa se reajustar. Esse é o papel do líder, perceber os erros e promover ações para que a empresa reencontre seu caminho.

“A principal dificuldade, na grande maioria das empresas, é definir e entender corretamente os problemas a serem atacados”, diz o consultor do Instituto de Desenvolvimento Gerencial (INDG), Fernando Luz Lara.

Confira a seguir algumas dicas do especialista oferecidas para o site Exame. Ele mostra como identificar e implantar as mudanças necessárias em sua empresa.

 

1 – Indicadores

Explore os indicadores. Avalie o grau de satisfação referente ao seu negócio com clientes e funcionários. Um exemplo são os Índices de devolução de produtos ou percentual de refugo, que podem apontar falhas na operação. Quando essas falas são detectadas tardiamente, causam impacto na receita da empresa.

 

2 – Fique atento aos processos

Observe como são realizadas as atividades em sua empresa e aprimore o que não estiver trazendo retorno. “Os gestores precisam entender que os resultados saem da operação e esse dia a dia operacional ou administrativo é a base para a melhoria contínua”, explica o consultor. Por exemplo, o gestor deve acompanhar de perto quanto tempo uma camareira leva para arrumar um quarto e observar a qualidade do serviço. Dessa forma ele poderá avaliar como esta rotina pode ser melhorada, evitando acúmulo de serviço, atrasos na liberação de quartos e, no fim, a insatisfação do cliente.

 

3 – Inspire a mudança

É muito importante que a direção participe e acredite nos processos de mudança. Mostre que precisa da colaboração de todos para essas melhorias. Peça ajuda a alguns funcionários chave para dar inicio esses processos e posteriormente repassar aos demais colaboradores.

 

4 – Ouça os funcionários

Parte das ideias e soluções para resolver questões da empresas vêm dos próprios funcionários. “São melhorias simples, baratas, criativas e, às vezes, surpreendem pelo grau de inovação envolvido.” Diz o consultor. Reúna-se com seus colaboradores e avalie as sugestões, após isso elabore um plano de ações. Acompanhar esse processo é indispensável e mostra credibilidade “É por isso que a liderança é tão fundamental.”

 

5 – Desperte o interesse contínuo

Para o consultor “O principal valor é o do constante aprendizado e participação”. Segundo o especialista as pessoas gostam de serem ouvidas e estarem envolvidas em processo de mudança. Mas elas devem só devem ser desafiadas com metas de melhoria, se houverem recursos para alcançar tais resultados.

 

6 – Mantenha os resultados

Manter o patamar dos resultados alcançados é um desafio. Muitas empresas elaboram um plano e dão pouca atenção aos resultados de cada ano. Assim ficam sem uma ideia se as mudanças de fato deram certo ou se ainda precisam de ajustes. Para que os esforços de transformação não se percam, deve haver um alinhamento entre a visão de curto, médio e longo prazo. “Não adianta só melhorar, é preciso manter”, recomenda o especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *