Pesquisa sobre cultura de empreendedorismo revela índice abaixo da média para o Brasil

Segundo pesquisa realizada a pedido do serviço mundial da BBC, pela empresa internacional GlobeScan, juntamente com o Programa Internacional sobre Política de Atitudes, o índice de cultura do empreendedorismo brasileiro está abaixo da média mundial. Baseada em questões como percepção de facilidade para abrir negócios, valorização de idéias, criatividade e valorização de novos negócios, o Brasil obteve 2,33, em um índice de 1 a 4, onde a média global é de 2,49.

Países como Indonésia (2,81), Estados Unidos (2,80) e Canadá (2,78) foram considerados como maior cultura empreendedora, ao contrario da Colômbia (2,04), Egito (2,06) e Turquia (2,14) que tiveram os menores índices. Parte dos países consultados declarou dificuldades para pessoas comuns abrirem seu próprio negócio.

Com tudo, embora exista dificuldade para quem quer abrir ou manter um negócio os brasileiros consideram que inovação e criatividade são valorizadas no país. Ao todo foram cerca de 24.537 pessoas entrevistadas em 24 países – Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá, China, Colômbia, Equador, Egito, Espanha, Estados Unidos, Filipinas, França, Gana, Grã-Bretanha, Índia, Indonésia, Itália, México, Nigéria, Paquistão, Peru, Quênia, Rússia e Turquia.

Fonte: http://g1.globo.com/economia